Pesquise aqui

Custom Search

domingo, 10 de agosto de 2014

OS NÓS! Como remover e evitar.

Olá! Esse blog é sobre os spitz alemão, mas essas dicas servem para qualquer cão ou gato de pelo longo! Vou ensinar certinho como fazer para se livrar dos nós se eles aparecerem, sem machucar a pele ou trazer dor ao ao animal.


COMO EVITAR QUE NÓS SE FORMEM
• Escove o animal pelo menos 1 vez por semana
• Retire boa parte dos pêlos mortos com a ESCOVAÇÃO ou com um FURMINATOR 
• Faça tosa higiênica (genitália, bumbum e almofadinhas)
• Nunca dê banho se o cachorro estiver há muito tempo sem ser escovado
• Se o cachorro usar coleira o tempo todo, fique girando ela e passe um dedo entre ela e o pescoço do animal com frequência



CUIDADOS PRÉ E PÓS BANHO
Se você não escovar muito bem o cão ou gato antes do banho, os pêlos mortos continuam no animal e quando ele se molhar, estes pêlos irão se soltar e se enrolar nos pêlos vivos. Você vai conseguir lavar bem o animal, mas depois do banho ele inteiro será um só nó! É preciso escovar bem antes do banho, para retirar o máximo possível de pêlos mortos antes do banho. Assim quando ele for molhado, não terá quase nenhum pêlo para se embolar nos vivos e não se formará nenhum nó.


Após o banho, você deve secar o cachorro bastante com uma toalha e deixar ele ficar se secando sozinho. Quando o pêlo estiver meio seco, meu molhado, você deve pegar o animal e escovar devagar, preferencialmente na frente de um ventilador ou secador. Dê atenção especial á áreas de difícil escovação que tem tendência a dar nós:
- Atrás das orelhas, próximo ao pescoço 
- Embaixo das patas dianteiras, suvaquinhos 
- Embaixo das patas traseiras, virilha
- Bumbum (o pêlo ali costuma ser mais crespo)

COMO SE FORMAM OS NÓS
Eles não só enfeiam o cachorro e incomodam na hora de fazer carinho. Eles prejudicam, e muito, o animal! Os pêlos mortos se acumulam e se embolam nos pêlos vivos formando uma bolinha de nó. Se essa bolinha não for removida ou desembaraçada, mais pelos mortos vão se prendendo ali e a bola de nó vai crescendo cada vez mais. Forma-se um nó grande e mais difícil de retirar. Conforme o tempo passa e mais pêlos embolam, o nó vai ficando mais duro e mais próximo à pele do cachorro. Esses nós próximo à pele são os piores que existem! 

DIFERENTES NÍVEIS DE NÓ
Podemos chamar os nós de nível 0, 1, 2, 3 e 4:
0 - Quase um nó, pêlos mortos embolados, fácil de remover. SIMPLES
1 - Nó pequeno e fácil de remover. Uma bolinha. SIMPLES
2 - Nó grande, um pouco mais difícil de remover. Bola grande. DIFÍCIL 
3 - Nó grudado à pele. Difícil de remover, não tem como cortar pois pode machucar a pele. MUITO DIFÍCIL 
4 - Nó grudado à pele com infecção escondida. Abre-se uma ferida na pele onde o nó está. MUITO DIFÍCIL 

COMO REMOVER O NÓ SIMPLES
Os nós de nível 0, aqueles que ainda estão virando um nó, saem facilmente na escova ou pente. Eu aconselho a usar sempre um pente para remover nós e passando-o lentamente. Se você escovar o cachorro rápido ou com força e tiver nó de qualquer nível irá doer e o animal não vai gostar. É importante que o cachorro ou gato goste de ser penteado para que a hora da escovação não seja uma guerra entre vocês. Então se o nó nível 0 ou 1 sair na escova ou no pente sem você puxar com força, ótimo. Se não sair, precisa cortar.

O Furminator também remove nós de nível 0 e 1, mas cuidado, pois se houverem nós de outros níveis pode doer e incomodar muito o animal. Só é aconselhável o uso do Furminator em animais sem nós, de preferência que tenham sido escovados antes com escova comum.



ESCOLHENDO A TESOURA CERTA
É importante escolher bem a tesoura! Tenho aqui dois exemplos de tesoura que servem para isso. Uma tesoura comum sem ponta e uma tesoura cirúrgica de ponta arredondada. 


A tesoura NUNCA pode ter ponta. Não arrisque. Não pense que conhece o cachorro, que o bicho é quietinho, que vai chamar alguém pra te ajudar a segurar... A chance de dar errado é enorme! E se der errado, não é apenas de arranhar ou fazer um furinho na pele que estamos falando. O animal vira instintivamente a boca e o rosto para o lugar que o perturba... Se nesse lugar tem uma tesoura com ponta ele pode ter um dos olhos furados. Assustou? Poisé... É pra assustar mesmo, porque é assim que muitos cães ficam cegos todos os anos no mundo. Então não custa nada providenciar uma tesoura sem ponta. Pode ser uma tesoura infantil! Só precisa ser uma tesoura que corte bem, pra não correr o risco de chegar na hora e ela não cortar o nó fora... Rsrs

COMO REMOVER O NÓ DA MANEIRA CERTA
Vou ensinar agora o modo correto de tirar um nó sem machucar a pele do cachorro. Para isso é indispensável o uso da tesoura sem ponta que corte bem é de um pente fino. Pode ser aqueles pentes de catar piolho hehe, quanto mais fino melhor!


É importante que você não tente arrancar o nó. Primeiro porque você pode conseguir arrancar o nó com a pele do animal junto. É comum donos sem noção ou funcionários idiotas de petshop fazerem isso. O animal vai pro banho e tosa com um nó atrás da orelha e volta com uma roda de carne viva no lugar. Gente, não é exagero, é sério. O povo faz tanta força que arranca o nó, o pêlo e a pele do animal. Então não tentem nunca puxar, para não ter uma dessas em casa, ok? Por favor.

A Sarita vai ser minha modelo nessa explicação! 

1 - Passe o pente pelo corpo do animal, abrindo a pelagem com a mão e procurando com o pente para para ver se existe algum nó, próximo ou longe da pele. Procure principalmente onde mais aparecem nós, atrás das orelhas, atrás dos braços, entre as pernas e no bumbum. Não é uma escovação! É pra passar o pente devagar, para desembaraçar.


2 - A Sarita não tem nós, mas vou usar uma liga para simular um nó na pelagem dela. Como expliquei lá em cima pelos níveis de nó (de 0 a 4), se o nó for do nível 0 ou 1 você deve conseguir remover ele só passando o pente devagar. Então vamos fazer de conta que esse nó é um nó mais difícil de remover. Daqueles que ficam grandes e próximos à pele do cachorro.


3 - Se você simplesmente segurar o nó e cortar, corre o risco de pegar um pedaço da pele do animal e cortar ela junto. Mas então, como cortar o nó tendo certeza que não está encostando na pele? É aí que entra o pente! Pegue o pente de dentes finos e enfie ele, mesmo que esteja difícil, entre a pele e o nó até ele aparecer do outro lado.


4 - Agora é só encostar a tesoura no pente e cortar, tendo a certeza que a pele do animal está abaixo do pente, protegida, e acima dele tem apenas o nó. Claro que vai ficar a falha na pelagem, mas dessa forma também você evita cortar o pelo solto que está em volta, e pode deixar no pente apenas os pêlos que estão presos no nó. Corta apenas o que realmente precisa ser cortado.

5 - Nos casos em que o pente fino não passar por baixo do nó de jeito nenhum, tente usar ele para marcar pelo menos em um pedaço onde está a pele do animal. Aí você pode ir fazendo pequenos cortes na ponta do nó, longe da pele, e com os dedos ir tentando abrir o nó no meio. Como se ele uma pedaço de pão. Você tenta ir fazendo pequenos cortes na pontinha dele, ir abrindo ele com os dedos para afrouxar o nó e depois pode ir passando um pente ou escova até desembaraçar um pouco. As vezes você consegue desfazer o nó por completo, as vezes você consegue desfazer pelo menos até o ponto de conseguir passar o pente por baixo dele e cortar como ensinei no tópico 3.


QUANDO EXISTE UMA FERIDA ESCONDIDA NO NÓ
Os nós de nível 4, aqueles que estão grudados à pele e que já machucaram a pele, causando uma dermatite ou infecção, devem ser removidos com cuidado redobrado. Analise bem a situação primeiro. Se achar que está muito feio ou que você não vai conseguir retirar, leve até um profissional de banho e tosa para remover. Mas lembre-se... Se você souber fazer, faça você. Você fará com um amor e carinho que o cara do banho e tosa não tem... Depois o animal deve ser levado a um veterinário para analisar e tratar a dermatite ou infecção que estava crescendo embaixo do nó.

QUANDO A TOSA É NECESSÁRIA
Não se deve tosar um spitz alemão, mas também não se deve deixar um cachorro ter tantos nós a ponto de precisar ser tosado. Então por favor, cuidem de seus cães, sejam responsáveis. Um cachorro em casa é como uma criança. Dá trabalho, gasta dinheiro e tem que ter atenção. Mas enfim, vamos supor que seja um cão resgatado, adotado ou com problemas de pele, ok? Primeiro todos os nós devem ser removidos, um a um, depois o profissional deve deixar o pelo uniforme usando a tesoura ou a máquina de tosa. Ao tosar um spitz muito curto, não existe a certeza que seu subpelo voltará a crescer. O subpelo do spitz pode simplesmente morrer e ficar pequeno para sempre. Se isso acontecer, apenas os pêlos longos e lisos do spitz irão crescer e você irá perceber. Um spitz nesse estado deverá ser tosado para sempre. Cães de outras raças ou spitz que não tenham problemas com o crescimento do subpelo, devem ser escovado regularmente e receber suplemento Vitaminico para incentivar o pelo novo a crescer forte e saudável. 

Texto: Vivian Roncon

Um comentário:

  1. Olá Vívian !
    Gostaria de te mandar uma foto do meu spitz alemão de 2 meses pra você me diZer q cor q ele deve ficar qnd crescer...
    Me passa seu email ? O meu eh : novellnat@gmail.com
    Obrigada .

    ResponderExcluir