Pesquise aqui

Custom Search

terça-feira, 17 de setembro de 2013

Dormindo na cama - Cuidados com Quedas!


Os spitz alemão são cães carinhosos, que amam a companhia dos humanos e os deixam apaixonados. Dessa forma, é difícil resistir a colocar o spitz na nossa cama, mesmo para aquelas pessoas que acham que lugar de cachorro é no chão. Todo mundo que tem um spitz deixou ele dormir ou brincar na cama, ou vai deixar um dia! 

Mas para que o Lulu possa ficar na cama, seja para dormir ou para brincar, é preciso tomar alguns cuidados.
- Lavar as patinhas com água e sabão toda vez que voltar da rua 
- Manter o animal limpo
- Manter o animal saudável
- Se chorar não sobe pra cama
- Se latir não sobe pra cama
- Se quiser brincar na hora de dormir desce pro chão
- Dormir na cama de coleira

O ultimo item é certamente o mais curioso. Mas é verdade! Além de se preocupar com a limpeza do spitz, para não levar sujeira ou doenças para a cama, e da educação do cão para que ele aprenda a se comportar, é preciso deixar ele dormir de coleira.



OSSOS FRÁGEIS 

acontece que os spitz são animais de ossos muito frágeis ( problema agravado pela diminuição da raça. Quanto mais anão mais frágil ). Uma simples queda, ou uma descida do sofá de mau-jeito é o suficiente para quebrar um ossinho. Por isso até completar um ano você deve ter a atenção redobrada no que diz respeito a pulos e quedas. Lembre-se que esse cuidado deve ser tomado com filhotes, idosos ou adultos muito pequenos.



NA CAMA DE COLEIRA

Se o seu spitz cair de cima da cama a situação pode ser muito feia. Lembre-se que por serem pequenos a cama se torna um obstáculo a ser vencido, principalmente estas novas cama-box que são mais altas que o normal! 

Se a sua cama não for muito alta, logo o spitz vai aprender a subir e descer dela. Mas se ela for alta demais para que ele consiga subir sozinho, sempre vai precisar usar coleira para não cair brincando ou ao tentar descer. 

Para isso você deve ter uma coleira peitoral confortável, que não aperte o animal, presa a uma guia que pode ficar amarrada à cabeceira da cama para dormir ou ao seu braço para brincar. Dessa formão spitz não cai no chão e nem tenta descer sozinho da cama!

Não se preocupe! Se ele quiser descer para fazer xixi, coco ou beber água, irá pedir. Só é preciso estar atento aos pedidos dele! São sinais de que ele precisa descer rápido da cama:
- Começar a chorar
- Começar a latir
- Te arranhar com a patinha
- Ficar inquieto
- Começar a esticar a coleira para querer descer
- Começar a esticar a coleira para querer olhar para o chão



COMO SABER QUE O SPITZ SE MACHUCOU? 

As vezes você vê ele pulando de algum lugar e caindo errado. O bichinho vai chorar e mancar de acordo com a gravidade da lesão. Mas as vezes você não vê a queda acontecer! É preciso então sempre observar seu cachorro para descobri se há algo errado com ele.
- Mancar
- Chorar ao fazer determinado movimento
- Ficar com a pata levantada, sem encostar no chão
- Ter medo de descer sozinho do sofá ou de escadas
- Ter medo de ser carregado ( indica que ele sente dor e tem medo que doa mais quando você carrega )

Mas lembre-se que é preciso diferenciar o machucado real da frescura de spitz! Como são animais delicados, uma simples dorzinha de nada pode fazer com que ele pare de andar. Para saber se é algo sério você deve examinar o spitz e a pata que ele reclama de dor.
- Olhe as unhas e veja se tem alguma grande ou quebrada que possa estar doendo
- Olhe entre os dedos para ver se existe algum machucado ou frieira, dermatite
- Mexa suavemente as articulações dos dedos, pé, perna, coxa e veja se o spitz apresenta sinal de dor
- Tente fazer algo que deixa o spitz feliz e veja se ele manca ( levar para passear por exemplo )

Se ele não apresentar dor com nenhum destes testes ele provavelmente torceu a pata sem grandes problemas. Deve estar sentindo uma dor muscular, uma dorzinha que vai diminuir com o passar dos dias e que não apresenta fratura. 

Se ele continuar mancando e chorando, se ele não estiver mexendo a pata, se ele apresentar sinais de dor durante os testes, ou se os sintomas estiverem muito fortes, corra com ele para um veterinário para fazer um raio-x. Ele deve estar fraturado.



QUEDAS EM PETSHOPS

Uma das principais causadoras de fraturas em spitz é a queda em petshops. Se você leva sei cão para banho e tosa, checkups, hotéis, ou qualquer coisa que te separe do spitz e você não possa ver o que está acontecendo com ele, sempre que estiver com o cãozinho você deve observar se ele está bem. É comum deixarem os spitz caírem por eles serem muito ativos e impacientes em ambientes estranhos. Conheço uma pessoa em que seu spitz de 6 meses começou a mancar e chorar. Quando ela foi ver, ele tinha caído no banho e tosa trincado a patela de uma das patas.

O IMPORTANTE É TOMAR OS CUIDADOS E OBSERVAR O CÃO PARA QUE QUALQUER PROBLEMA SEJA DESCOBERTO LOGO NO INICIO!




Texto e Imagens: Vívian Roncon



3 comentários:

  1. Oi, Vívian!

    Tenho uma spitz de 04 meses, Bella, e sou dessas pessoas que jamais admitiu cachorro em cima de cama.. Sempre achava um absurdo quando via alguém colocando... Mas quem disse que consegui resistir à minha pequena? :) Mas o pior é que ela caiu, acredita? Minha cama é alta, eu e meu marido quase morremos de preocupação com o que aconteceu.. Ela passou praticamente 1 semana sem triscar a patinha no chão e depois mais uma triscando quando "esquecia" e encolhendo pelo medo da dor.. Foi mt mt mt ruim.. Mas graças a Deus não fraturou e hoje ela já está 100%! Sempre olho seu blog! Gosto muito das crônicas da Sarita.. :) Sinto tanta falta de informações sobre spitz na internet.. Acho que vc até comentou sobre isso também em um de seus posts.. (já li tds! haha)

    Grande abraco!

    Liana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. poise liana! eles são tao frageis... o canil e a veterinaria me orientaram a deixar ela de coleira na cama e eu sempre deixei com o medo que ela caisse! que bom que a bella ja está bem!
      se quiser me manda uma foto dela depois que eu ponho aqui! vivikinha@gmail.com

      Excluir
  2. Tenho um spitz de 3 meses, foi tentar pular do sofá e quebrou a patinha :( tá todo nervoso com a tala, dá um trabaaaalho danado... Nunca mais vai ver um sofá na vida! HAUHUAH mas, mesmo sendo frágil nesse sentido, é a melhor raça que tem. Ele é super companheiro, me segue pela casa toda, espera na porta do banheiro enquanto tomo banho, coisa mais fofa!
    Dei risada lendo o post da Sarita andando de carro; com o meu é assim toda vez que anda até hoje. Ele me baba TODA, da primeira vez fiquei tão desesperada que levei ele no veterinário correndo pra ver se não era alguma doença kkkkkkkk adoreeei o blog, tirou um monte de dúvida que nunca encontro pela internet :P parabéns por ele e pela Sarita!

    ResponderExcluir